Postagem em destaque

CAMOCIM OFF ROAD 2017

UM DOS MAIORES TRILHÃO DA REGIÃO

SAÚDE E PAZ A TODA NAÇÃO TRILHEIRA - OBRIGADO PELA PARTICIPAÇÃO... 126 PILOTOS INSCRITOS... CAMOCIM OFF ROAD...

15 de janeiro de 2011

João Paulo II vai ser beatificado em maio

O papa João Paulo II será beatificado no dia 1.º de maio. O anúncio foi feito ontem pela Congregação para as Causas dos Santos, órgão vaticano responsável pela análise da vida dos católicos que a Igreja deseja apresentar como modelo de vida para os demais fiéis.
Bento XVI autorizou a publicação de um decreto que reconhece a autenticidade de um milagre atribuído à intercessão de João Paulo II.
De acordo com o testemunho de médicos ouvidos pela congregação, a freira francesa Marie Simon Pierre Normand sofria de doença de Parkinson e obteve uma cura não explicada pela ciência. Irmã Marie pertence ao Instituto das Pequenas Irmãs das Maternidades Católicas. Em 2001, ela foi diagnosticada com Parkinson, enfermidade que João Paulo II também enfrentou nos últimos anos da sua vida. A cura da doença teria ocorrido em junho de 2005, dois meses depois da morte do papa polonês. A freira tinha 44 anos.
A publicação do decreto sobre o milagre conclui o processo que precede a beatificação.
Depois do dia 1.º de maio, João Paulo II receberá o título de beato ou bem-aventurado. Poderá ser venerado como intercessor e receber culto público restrito em cerimônias litúrgicas.
É o passo prévio à canonização, quando o bem-aventurado passa a ser chamado de santo e recebe um culto público universal na Igreja. Será necessário um novo milagre para concluir a canonização de João Paulo II.
"Santo já". No início do seu pontificado, em 1983, João Paulo II reformou a lei que rege os processos de beatificação e a canonização, agilizando os prazos. O papa polonês desejava apresentar modelos de conduta mais próximos à realidade dos fieis contemporâneos.
A estratégia deu certo: durante seu pontificado, João Paulo II beatificou 1.341 católicos e canonizou outros 482, cifras sem precedentes na história da Igreja Católica.
As novas regras sugerem um período de cinco anos entre a morte do fiel e o início da causa de canonização, mas, durante os funerais do papa polonês, em abril de 2005, milhares de fiéis reunidos na Praça de São Pedro, em Roma, pediram o início imediato do processo de canonização com o slogan "santo sùbito", expressão italiana equivalente a "santo já".
O papa atual decidiu ouvir o clamor dos católicos. O processo de João Paulo II começou em junho do ano da sua morte.
Fonte Estadão.com

Nenhum comentário: